Ensinando as crianças sobre santificação

Você já esteve em uma sala falando ou ensinando e de repente sua audiência, família ou amigos olham para você com um olhar confuso no rosto por causa de algo que você disse? A palavra “santificação” pode causar um pouco de questionamento e confusão, não apenas para crianças, mas para adultos; é, afinal de contas, uma palavra bastante forte e inusitada. Santificação é uma parte significativa de nosso vocabulário como crentes, e nossas crianças devem ser introduzidas a este termo desde tenra idade para que sua compreensão e experiências possam trabalhar de mãos dadas. A compreensão de uma criança cresce e se desenvolve com o tempo. Ao ensinar as crianças sobre santificação, é importante lembrar que elas também estão crescendo espiritualmente e a repetição, o reforço e a graça são todas as ferramentas necessárias que você precisa à medida que você vai instruindo

Um dos conceitos mais importantes que devem ser ensinados às crianças é que seu relacionamento com Deus não tem um destino ou um fim. Muitas vezes, nós nos fixamos em crianças alcançando um marco espiritual específico, como salvação, batismo, ou outro evento. Em vez disso, as crianças devem saber e ser ensinadas que seu relacionamento com Deus se desenvolve ao longo do tempo; é uma jornada. Nosso desejo deve ser o de acompanhá-las em sua jornada e ajudá-las a ver e ouvir sobre nossa própria santificação sendo trabalhada em nossa jornada pessoal com Deus.

Use a Bíblia

Então, por que ensinar as crianças sobre santificação? Há uma resposta fácil para esta pergunta; ela está na Bíblia! Proporcionar apoio bíblico sobre santificação às crianças as ajudará a entender que não é apenas uma palavra inventada ou algo usado para fazê-las ouvir e serem obedientes. Na verdade, a santificação tem muitos bons propósitos para todas as pessoas. A santificação ajuda todos nós (inclusive as crianças) a nos tornarmos crentes maduros, a vencer o pecado e a cumprir os planos de Deus para nossas vidas. Todas estas verdades são encontradas na Palavra de Deus e nos ajudam a refletir as ações e o estilo de vida de Jesus. Seguir Jesus é o objetivo da jornada.

  • Através do poder e da ajuda do Espírito Santo, as crianças podem começar seu processo de se tornar um crente maduro. Devemos ensinar as crianças a desejarem chegar à maturidade para que possam experimentar a plenitude de Deus e compreender Seus ensinamentos (Efésios 4:11-13).
  • As crianças devem saber que têm o poder de lutar contra o pecado. Todos somos tentados, mas Deus deseja que seus filhos vençam a tentação e sejam santos como Ele é santo (1 Pedro 1:15, 16). Jesus é o nosso modelo, pois Ele viveu uma vida sem pecado, mesmo quando tentado. Nós seguimos Seu exemplo.
  • A santificação permite que Deus trabalhe continuamente em nós para que possamos cumprir Seus planos para nossas vidas. Isto significa que permitiremos que Deus nos transforme e nos mude enquanto O seguimos e não o mundo (Romanos 12:1, 2).

Torne compreensível

Em seguida, precisamos ter certeza de que estamos apoiando nossas verdades bíblicas exatamente com o que diz a Escritura. A palavra santificação não é encontrada na Bíblia tanto quanto encontramos outras palavras como pecado, maturidade, santidade e crescimento. Todas estas palavras, e outras, trabalham juntas para nos ajudar a ter uma imagem melhor do que é santificação e como ela funciona na vida das crianças. Passe tempo identificando palavras-chave com as crianças e ajudando-as a descobrir seu significado.

Passe tempo ajudando as crianças a pesquisar e estudar passagens da Bíblia onde estas palavras-chave são usadas. Qual é o contexto histórico? Por que esta mensagem é tão importante? Quais são os resultados encontrados? Como poderia haver sido diferente?

Permita que as crianças façam perguntas. Isto é especialmente importante quando se discutem importantes conceitos teológicos ou doutrina da igreja. Embora às vezes estas perguntas possam nos surpreender e até mesmo estremecer, é importante que as crianças se sintam à vontade para falar. Dar tempo para perguntas e discussões nos permite ver o coração e a compreensão das crianças; podemos ver quais áreas precisam de esclarecimento e quais áreas têm sido bem compreendidas.

Torne prático

Ao ensinar verdades às crianças, devemos ser sempre práticos e relevantes. Uma das melhores maneiras de sermos práticos quando ensinamos sobre santificação é através da narração de histórias. Compartilhar histórias de pessoas da Bíblia que foram separadas e usadas para os propósitos de Deus. Você não só pode encontrar grandes histórias de homens e mulheres, mas pode até mesmo encontrar crianças que foram separadas e usadas por Deus para realizar coisas maravilhosas. Pense em Samuel, Josias e na serva de Naamã. Sem sua rendição e obediência a Deus, todos os resultados positivos que deles resultaram nunca teriam acontecido.

Compartilhe suas próprias histórias. Conte histórias apropriadas à idade sobre os momentos em que você teve que vencer o pecado ou “dizer não” ao mundo para que você pudesse abraçar os desígnios e planos de Deus para sua vida. A santificação requer certos elementos de sacrifício e é bom que as crianças ouçam sobre as escolhas que você ou outros indivíduos tiveram que fazer.

Além de contar histórias, outra forma de tornar a santificação prática é através de jogos e atividades. Esta é uma ótima maneira de começar ou terminar uma lição ou conversar com as crianças sobre santificação. Aqui estão algumas ideias:

  • Enquanto você fala de crescimento, você pode exemplificar utilizando plantas e sementes. Fale sobre a importância de manter as plantas saudáveis. Às vezes é preciso tirar ervas daninhas ou mudar a planta de vaso. Associe isso à santificação e como o Espírito Santo nos ajuda a “erradicar” as coisas em nossos corações e em nossas vidas que não possuem semelhança de Cristo.
  • Brinque com as crianças de caça palavras usando as Escrituras. Tenha cada palavra de seu versículo de memória em um pedaço de papel. Inclua vários pedaços de papel com palavras que não fazem parte do versículo bíblico. Peça às crianças que procurem e separem do “monte” os pedaços que contém o versículo. Conecte isso à santidade e o que significa ser separado para Deus.

Não deixe que o medo de ensinar sobre “santificação” o impeça de ensinar a suas crianças este passo maravilhoso em sua jornada com Deus. Tome o tempo necessário para torná-lo compreensível e prático.